Juvenal Irene

Juvenal Irene, filho de Goiás, nascido em 21/09/1956, artista plástico autodidata desde os 12 anos. Em São Paulo, como cenógrafo e artista plástico, trabalhou desde 1978 nas TVs Tupi, Bandeirantes, Cultura; prestou serviços às TVs Gazeta, Globo, Manchete, MTV, Record e SBT. Paralelamente, no seu ateliê, no Jabaquara, fez cerca de 250 produções para teatro, cinema, televisão, eventos corporativos, shows, até o ano de 2010 quando passou a dedicar-se à sua arte autoral. Atuou como artista formador em cenografia e arte na Oficina Cultural Oswald de Andrade; no CPT (Centro de Pesquisas Teatrais do SESC); na SP Escola de Teatro; na FLIP (Festa Literária Internacional de Paraty, RJ).

Obras públicas monumentais: “O Portuário”, praça Silvério de Souza em Santos, SP, (1997); “Colosso de Rhodes” em Campinas, (1996). “Monumento ao Peão de Boiadeiro”, em Barretos, (2005); Memorial ao Touro Bandido, Montaria em Touro e Montaria em Cavalo, no Parque do Peão em Barretos, (2009); Boi de Ouro em Anicuns, GO e Journey América em Barretos, SP. (2014); Monumento ao Trabalhador Rural em Londrina, PR. (2015); O Cavaleiro das Américas em Londrina, PR. (2015); Voa Dimitri, para Osasco, SP. (2017); Búfalo Mansinho em Registro, SP. (2018).

Exposições
1976 – O Casarão, em Niquelândia, GO.
1978 – Fundação Municipal de Educação e Cultura de Anápolis, GO.
1981 – Biblioteca Municipal Affonso Taunay, SP.
1985 – Palácio Anchieta – Câmara Municipal de São Paulo.
2001 – Arte Naife, SESC Interlagos, SP.
2004 – Encantos da Terra Brasil, Série de acrílica sobre tela em La Rotonda, Lugana di Sirmione – Itália.
2019 – Etnia, na Casa Tegra, SP.

* Exposição não correrá em dias de eventos corporativos, favor ligar no telefone 3253-4102 para mais informações.